Capitulo 4

Ciúmes!

No outro dia, acordei pensando, que tudo foi um sonho, coisa da minha cabeça mais não era tinha 1.000.000 de mensagens do Mike no meu celular, ele nunca tinha enviado tantas mensagens fiquei até encabulada, então respondi com um bom dia e logo depois fui escrever

” Caro amigo

Ontem eu dei meu primeiro beijo, e sabe quem eu beijei o Mike, na verdade ele que me beijou, ontem aconteceu tantas coisas naquela festa, um menino me chamou para dançar, a Melany traiu o Mike, e ele desceu correndo as escadas e ficou chorando lá fora, e eu fui atrás dele consolar ele, ele me beijou, será que ele me beijou porque quis ou sou foi um beijo de agradecimento?”

Estava com uma preguiça de ir para escola, pois a noite de ontem tinha sido muito cansativa e muito boa também, mais eu tinha que ir só para ver o Mike, não que eu esteja gostando dele nem nada desse tipo, mais é que ele me beijou, eu quero ver a reação dele a me ver.

Estava no corredor da escola, quando sinto alguém segurando minha mão, eu pensei que fosse o Mike, mais levei um susto porque era o Filipi.

O Filipi não é feio, na verdade ele é muito bonito, têm cabelos castanhos, olhos azuis, é branco, alto e forte. Mais ele é muito bobão, sempre quer se aparecer ser o centro das atenções, e isso se torna sendo chato.

Eu:

– Ai que susto.

Ele:

-Nossa eu sou tão feio assim.

Eu:

-Não é isso, é que você chegou segurando minha mão e talz e me assustei.

Ele: 

– Ah sim, entendi. Mas então você que sair comigo?

Eu olhei pra trás e vi o Mike olhando para nos com uma cara feia, deve ser porque estávamos de mãos dadas.

Eu:

– Sair? Por que não?

Ele:

-É, por que não né. Então vamos?

Eu: 

-Vou pensar até o fim da tarde te respondo.

Quando bateu o sinal e o Filipi me levou até a minha sala, me deu um beijo no rosto e foi para sala dele, o Filipi pode ter todos esses defeitos, que não são poucos, mais ele é um fofo, um amor de pessoa.

Entrei na sala, me sentei no mesmo lugar de sempre, é aula de artes, então nem estava prestando atenção, ai eu recebo uma mensagem do Mike

Mike: – ME ENCONTRE NO PATIO DEPOIS DESSA AULA PRECISO FALAR COM VOCÊ, VOU ESTAR TE ESPERANDO NA FRENTE DO MEU ÁRMARIO!

 Logo após de ler está mensagem fiquei olhando pra ele, imaginando o que de tão importante ele quer falar comigo, por que né, ele está na mesma sala que eu na aula de artes.

Quando bateu o sinal, eu fui “encontrar” o Mike na frente do armário dele, bom aquilo não era bem um encontro, se ele for falar algo secreto ou importante, lá não é um bom lugar, pois todo mundo passa por ali. Quando ele chegou.

Eu:

– Tá atrasado.

Ele:

– Não marquei hora.

Eu:

-Hm

Eu:

– E então o que você que falar comigo?

Ele:

-Foi bom o beijo.

Eu:

– Aff, você não me chamou aqui para perguntar isso né? Por que se foi, eu prefiro não responder.

Ele balançou os ombros, como se não ligasse para minha resposta, mais o olhar dele omitia tudo.

Ele-

-Eu só quero saber.

Ele

-Ah Melany, ligou para mim ontem depois que eu fui embora da festa!

Eu: 

-E o que ela queria?

Ele:

-Ela disse que queria voltar comigo, disse que se arrependeu do que fez, e blá-blá-blá.

Eu:

-E o que você disse?

Ele:

-Eu falei que estava muito magoado, e eu ainda estou, e não sei se conseguiria perdoar essa traição.

Eu:

-AH, VOCÊ NÃO SABE SE CONSEGUE PERDOAR ESSA TRAIÇÃO?

Ele:

Eu:

-Então quer dizer que mesmo depois de ter-te traído ela tem chance.

Ele:

-Talvez!

Eu:

-Hm..

Ele:

– Depois que falei isso ela disse, você não me quer por causa da Amy né, eu vi vocês dois se beijando. Ai eu desliguei o celular.

Eu: Hm..

Ele:

-O que o Filipi foi falar com você?

Eu:

-Ele me chamou para sair depois da aula.

Ele:

– E você aceitou?

Eu:

-Porque não!

Ele:

– O Filipi é ridículo ele não faz seu tipo, não acredito que vai sair com ele!

Eu:

-Nossa, eu sou vou tomar um café ou algo assim, não posso?

Ele:

-NÃO!!!

Eu:

– Por quê?

Ele:

-Aff

E saiu andando, e eu fiquei dando risada, porque ele estava morrendo de ciúmes do Filipi.

No fim da aula, eu fui tomar um sorvete com o Filipi, ele é muito legal e antecioso, ele não é tão ridículo assim, ele apenas se acha invisível por isso faz essas basbaquices. E umas das basbaquices que ele fez, fez não, tentou, foi me beijar, mais eu recuei porque sei lá não me senti a vontade, mais ele nem ligou muito, ele me entendeu.

Ele: 

-Quer ir embora?

Eu:

– Quero sim, me leva até em casa.

Ele:

-Claro.

Ele me deixou até em casa e foi embora, minha mãe viu ele vim me deixar, ejá veio com as perguntas bobas de mãe:

Quem é ele? É o seu namorado? Seu amigo? Fala pra mãe.

Eu:

-Mãe sério que todas as vezes que eu tiver acompanhado com um menino você vai fazer essas perguntas?

Mãe:

-Me desculpa só queria saber!

Eu fui para meu quarto li um pouco, nem me lembrei de escrever e dormi.

                                        

 

 

continua….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s