Capitulo 3:

MEU PRIMEIRO BEIJO

…continuação…

Depois que os conheci realmente não sentei mais sozinha no intervalo, eles viraram mesmo meus amigos, nós só andávamos juntos, mas não o tempo todo, mas o Mike mudou bastante não sentava mais do meu lado no ônibus, nem falava tanto comigo, quando criei coragem e perguntei:
-Oque está acontecendo com você?
Ele: – Nada. Por quê?
Eu: – Você está estranho comigo, não senta mais do meu lado, nem mesmo conversa muito comigo. Você quer que eu pare de andar com vocês?
Ele: – Essa é a Amy que eu conheço? Não acredito que está me perguntando isso!
Eu: – Nem eu acredito que estou lhe perguntando isso. Mas não vai me responder?
Ele: Não, eu não quero que você pare de andar conosco, eu adoro você Amy, te considero uma das minhas melhores amigas!
Mas eu tenho certeza que ouvi ele sussurrar bem baixinha e dizer:
-Acho que até mais que isso.
Quando falei:
-Oque você disse?
Ele: – Que você é uma das minhas melhores amigas!
Eu: – E depois?
Eu: – Hm. Então está bem.
Ele: – Vai à festa hoje?
Eu: – Acho que sim, vou pensar no seu caso.
Ele: Já ouvi isso antes!
E mais uma vez escrevo oque está acontecendo na minha vida
“Caro amigo.
Meus amigos são muito legais comigo, e dá para acreditar eu tenho amigos e não estou sonhando é de verdade. O Mike estava estranho comigo então eu resolvi conversar com ele, perguntei por que ele estava estranho comigo então ele disse que não havia acontecido nada e que eu sou uma das melhores amiga dele, mas tenho certeza que ouvi ele sussurrou baixinho e disse que eu era mais que isso. Mas com certeza estava brincando. Hoje também me chamou para ir á uma festa e com certeza eu vou.
Eu: – Mãe! Estou indo á uma festa.
Ela: – Ok. Se divirta.
Chegando a festa logo reparei que havia algo estranho a o Mike e a Melany o Mike estava com um olhar tenso, quando fui pergunta para Alice oque houve.
Eu: – Oi Alice.
Ela: – Oi.
Eu: – Tudo bem?
Ela: – Comigo ótimo! Mas com os dois acho que não.
Eu: – Oque houve?
Ela: Briga de casal.
A Alice é uma pessoa legal, mas se você quiser saber oque está acontecendo com qualquer da escola, é ela que você tem que procurar.
Ela: – Porque a pergunta?
Eu: – Nada, apenas curiosidade.
Ela: – Hm.
Quando de repente um garoto me chama:
– Quer dançar?
Eu: – Tá falando comigo?
Ele: – É!
Eu: Ah, não eu não sei dançar.
Ele: Não seja por isso, eu te ensino.
Puxou-me, lembrei-me de quando o Mike me puxou me livrando das ovadas. Quando me pergunta:
– Qual seu nome?
Eu: – Amy e o seu?
Ele: Filipi. Qual sua idade?
Eu: – 15.
Quando de repente escutamos gritos lá de cima com certeza era o Mike e a Melany brigando, quando ouvimos o Mike gritando:
– Como você teve coragem de fazer isso, eu te amava.
Ela: – Não ama mais?
Ele: – Depois do que você acabou de fazer! Como tem coragem de me perguntar isso?
Ele desce a escada correndo e vai para fora, a Alice e a Katy ficou olhando para mim com aquela cara de é melhor você não ir lá, mais eu não aguentei tinha que ver com ele estava e fui atrás dele.
Quando achei ele estava sentado com a cabeça baixa, quando me aproximei mais deu para escuta-lo chorando, coloquei a mão no ombro dele e ele olhou para mim e perguntou:
– Como ela teve coragem? Eu gostava tanto dela, mas agora á única coisa que eu sinto por ela é raiva. Porque ela fez isso por quê?
Abri minha bolsa, peguei um lenço enxuguei as lagrimas dele, olhei para ele e disse:
– Não gaste lagrimas atoa, se ela se ela fez isso com você é porque ela é uma besta, quem saiu perdendo não foi você mais sim ela.
Ele: Por quê?
Eu: – Por quê? Além de ela te perdido você umas das pessoas mais legais que eu conheço, ela também perdeu o caráter e o respeito.
Ele olhou para mim, sorriu e disse:
-Legal é você que consegue tirar um sorriso meu comigo nessa situação.
Ficamos em silencio, quando ele olha para mim e eu olho para ele, olho à olho, adoro ficar admirando aqueles olhos verdes brilhantes, quando percebi que ele estava se aproximando da minha boca, e mais e mais, quando estávamos prestes a se beijar ele disse:
– Você me ajudou, mas quero mais um favor seu apenas feche os olhos e não recue.
Eu: – Está bem.
Quando a boca dele encostou-se à minha, me senti nas nuvens meu coração bateu cada vez mais forte, apenas o acompanhei, foi uma sensação incrível e com certeza inesquecível, não queria que acabasse, o tempo todo meus olhos ficaram fechados, mas a vontade de abri-los era imensa.
Quando ele parou e disse:
– Já pode abrir os olhos.
Eu: – Já falei para você que tem olhos lindos?
Ele: – Não.
Levantei e saí andando, quando ele gritou:
– Obrigada.
Não respondi, nem mesmo olhei para trás continuei andando, mas o tempo todo com um sorriso no rosto. Quando cheguei em casa a vontade de escrever o que havia acontecido era imensa, mas não consegui pois não sabia oque escrever a única coisa que vinha a minha cabeça era a cena de nós se olhando e em seguida beijando, foi meu primeiro beijo e com certeza nunca vou esquece-lo. 

continua….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s